Origem do Prêmio Nobel

“O mercador da morte está morto. Dr. Alfred Nobel, que se tornou rico procurando meios para matar mais pessoas o mais rápido possível, morreu ontem.” Essa era a descrição da página de obituários de um jornal parisiense, em 1888.

O jornal noticiava prematuramente a morte do químico sueco Alfred Bernhard Nobel que, na verdade, faleceu no final de MIL OITOCENTOS E NOVENTA E SEIS, em San Remo, Itália. O erro aconteceu porque o repórter confundiu o cientista com um de seus irmãos mais velhos, Ludvig Nobel.

Ao ler a notícia, Alfred Nobel não gostou de saber como seria lembrado quando morresse. Isso o motivou a colocar em seu testamento o desejo de inaugurar um instituto que concedesse um prêmio a pessoas que dessem contribuições relevantes para a humanidade.

Confira esta matéria na íntegra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *